Globo

“Cordel Encantado”; “Fina Estampa” e “Alma Gêmea” disputam vaga no “Vale a Pena Ver de Novo”

A Rede Globo decidiu quando irá chegar ao fim a atual reprise da novela “Senhora do Destino”, na faixa vespertina do “Vale a Pena Ver de Novo”, e isso deverá acontecer em meados de setembro, na primeira quinzena para ser mais específico. Para manter os índices registrados por “Cheias de Charme” e segurados atualmente por “Senhora do Destino”, a emissora está em busca de uma substituta à altura. 

A emissora carioca, trabalha atualmente com três possibilidades para manter sua audiência na casa dos 17 pontos, como tem acontecido atualmente, entre elas, está uma novela de Aguinaldo Silva, mesmo autor em cartaz atualmente com a trama de Maria do Carmo (Susana Vieira) e Nazaré Tedesco (Renata Sorrah). Confira quais são:

CORDEL ENCANTADO: A primeira possibilidade da emissora é a novela “Cordel Encantado”, produzida originalmente pela Rede Globo em 2011, assinada por Duca Rachid & Thelma Guedes, para o horário das seis. A emissora estuda essa possibilidade, porque a novela teve bons resultados de audiência (24 pontos de média geral), e também é uma novela curta, contendo apenas 143 capítulos. 

FINA ESTAMPA: “Fina Estampa”, assinada por Aguinaldo Silva, também em 2011, é uma das possibilidades da emissora carioca. O folhetim, que teve uma excelente audiência (39 pontos de média geral), teria a possibilidade de segurar os índices da atual reprise, mas o canal ainda reluta com sua exibição, por causa da classificação indicativa, que apesar de não existir mais, ainda é uma preocupação da emissora. 

ALMA GÊMEA: Outra possibilidade, é reprisar novamente “Alma Gêmea”, que já passou duas vezes na faixa do “Vale a Pena Ver de Novo”, e conquistou ótimos resultados de audiência em todas elas. O folhetim, assinado por Walcyr Carrasco em 2004, foi o maior sucesso do século 21 na faixa das 18 horas. 

Comente abaixo:
Avalie este post

Artigos relacionados

1 pensou em ““Cordel Encantado”; “Fina Estampa” e “Alma Gêmea” disputam vaga no “Vale a Pena Ver de Novo””